segunda-feira, 14 de julho de 2008

Menú Encosta do Sobral


Conforme já aconteceu no passado, a 2780 Taberna dedica o menú desta semana a um produtor de vinhos que fará parte das nossas escolhas no futuro: Encosta do Sobral.

Sopa de Cebola com gratinado da mesma
Atum à Pablito Aimar
Risotto de Polvo
Hamburguer de Morcela de Porco Preto em Pão de Queijo da Ilha DOP
Strudel de Lebre

Situada no limite Norte do Ribatejo, já muito perto de Tomar, a Encosta do Sobral juntou aquilo que de melhor a Região tem para oferecer com as possibilidades que os mais recentes desenvolvimentos da enologia dispõem para melhorar a qualidade dos vinhos. Há várias gerações que a família proprietária se dedica à cultura das vinhas e do vinho. No seu início a produção era de cariz familiar e o excedente colocado no mercado local. Ao longo dos anos verificaram-se alterações com aumentos graduais de plantação de reestruturação dos vinhedos.
De seguida, algumas características das nossas gamas lançadas no mercado:

ES Reserva
Vinificação: Desengaço total, curtimenta prolongado com controlo de temperatura, seguida de longa maceração.
Estágio: Barricas de carvalho francês de 1º ano, durante dois períodos de 7 meses cada.
Análise Sensorial: Cor vermelha intenso, ao nariz aromas florais, frutados, notas mentoladas características das castas. Ao Sabor equilibrado, boa relação entre acidez e profundidade, com aromas retronasais presentes.
Castas: Trincadeira, Touriga Nacional, Touriga Franca



ES Tinto
Vinificação: Desengaço total, curtimenta prolongada com controlo de temperatura, seguida de longa maceração.

Estágio: Barricas de carvalho francês de 1º e 2º ano, durante um período de 10 meses.
Análise Sensorial: Cor vermelha vivo, ao nariz frutos silvestre e alguns frutos secos. Na boca equilibrado, suave, com taninos presentes, persistentes e final de boca profundo.
Castas: Castelão (50%), Touriga Nacional (30%), Cabernet Sauvignon (20%).


ES Branco
Vinificação: Maceração prefermentativa, decantação do mosto. Processo clássico, com controlo de temperatura.
Estágio: 35% em barricas de carvalho francês e americano de 1º e 2º ano, durante 4 meses.
Análise Sensorial: Cor aberta, aroma intenso a fruta fresca, elegante e persistente e com um final de boca longo.
Castas: Fernão Pires (40%), Arinto (40%), Malvasia (20%).

1 comentário:

Venon aka Filipa disse...

Levámos dois amigos a entrar em férias a experimentar-vos e a degustar este menú: oh lá, lá! Delicioso!

O vinho era de lamber o pipo.... mas não aprecio carpaccio.

Boa!