terça-feira, 6 de abril de 2010

Obrigado Rui Barradas, pelas palavras

Grande Rui,

Obrigado por entrares no espírito. Aqui vai uma crónica que encontrei na net sobre nós e sobre o Livro.


"A primeira vez que ouvi falar da 2780 Taberna foi a partir da edição do livro de receitas do restaurante que aconteceu no mês de Dezembro. O livro intitula-se o 2780 Taberna - Cozinha Experimental e confesso que a minha primeira impressão foi achar tudo um pouco pretensioso. De onde que estes gajos apareceram para andarem aqui a fazer livros de culinária?

No Natal ofereceram-me o livro e após uma rápida vista de olhos fiquei agradavelmente surpreendido. O aspecto gráfico do livro era interessante e as receitas também. Percebi que aquilo que tomei por preciosismo não era mais do que humor e ironia, coisa nada comum num livro de culinária.

Isto despertou-me algum interesse em conhecer o restaurante que deu origem a este livro e à alguns dias tive a oportunidade de lá ir.

Aberto de 3ª a Sábado apenas ao jantar a dimensão da sala (7 mesas de 4 lugares) torna a reserva quase obrigatória. Á 6ª e ao Sábado há mesmo uma politica de 2 turnos de reservas (20h-22h e 22h30-0h30). A ementa têm exactamente 1 opção... Um menú fixo de 6 pratos que muda a cada 2 semanas. O preço também é fixo: 24,50€. É comer e calar... Mas pode-se escolher o vinho de uma selecção não muito grande mas que parece ser criteriosa priveligiando boas relações qualidade/preço incluíndo algumas opções a copo.

Os pratos têm por base sabores tradicionais com variações e inovações fazendo uso de técnicas da chamada cozinha molecular. A cozinha molecular é por vezes vista com desconfiança pois pode ser considerada como um puro exercicio técnico sem qualquer alma. E é verdade que alguns chefes menos experientes ou competentes podem cometer o erro de sobrevalorizar a técnica em relação à alma. Mas cozinha molecular deve ser vista como um conjunto de técnicas ao serviço dos chefes que podem ajudar à preservação e intensificação dos aromas e sabores dando-lhes formas e texturas novas.

O serviço é informal e descomplicado sem deixar de ser agradável e correcto. O normal será sermos servidos por alguém com uma t-shirt com a frase "Carapau de Corrida" ou "Comes e Calas". Quem não for benfiquista e seja mais impressionável deverá ter algum cuidado e consultar a ementa previamente no blog ou poderá ter azar e ter de comer o Bombom Valdo, o Peito de Pato à Yebda ou o Eusébio...

Eu não conheço mais nenhum restaurante na área de Lisboa que sirva um menú de 6 pratos com este nível de qualidade a este preço e a 2780 Taberna será uma paragem obrigatória para quem queira ter uma experiencia gourmet por um preço relativamente acessível."

http://www.facebook.com/notes/rui-barradas-pereira/2780-taberna/309827047530

2 comentários:

Manuel disse...

Boas
Tem algum e-mail de contacto?
Cumprimentos
Manuel Horta

Taberneiro disse...

2780taberna@gmail.com

Obrigado Manuel!