quarta-feira, 26 de maio de 2010

Menu dadaista

Até hoje, todos os menus tem um tema base do qual partimos para atingir a excelência que vocês depois provam. Desta vez decidimos não ter tema. Simplesmente criar. Sem pensar. Sem medos das consequências. Sem problemas de equilíbrios, aromas, pesos, etc. E não é que o resultado foi mais uma vez excepcional.

Sem comentários: