quarta-feira, 30 de abril de 2008

Almoços na semana do trabalhador

Antes de mais avisamos que no feriado vamos fazer um grande serviço de catering fora da taberna e por isso não vamos poder estar lá. Mas de resto, tudo normal.
Só para verem que no dia do trabalhador há quem trabalhe no duro, para vos poder entreter e proporcionar um prazer degustativo. Para trabalhadores árduos como nós taberneiros, trabalhar neste dia do trabalhador é como obrigar um judeu ortodoxo a trabalhar a um sábado, ou obrigar um fundamentalista islâmico a comer durante o ramadão. 

Para nós, todos os dias, são dias do trabalhador! 
E desta forma os almoços serão os seguintes:

Quarta-feira
Creme de Cenoura e Laranja
Sonhos de peixe com arroz de tomate
Espetada de frango com marinada de citrinos

Sexta-feira
Sopa de tomate
Bacalhau de rapaziada
Amburga Ômega 3 com batata à taberneiro

Menu Quinta do Condoso 30 Abril a 3 de Maio

Esta semana foram os produtores Artesãos do Vinho que nos pediram para fazer um menu que se adequasse bem com o seu vinho Quinta do Condoso.

Depois de muita discussão sobre que pratos deveríamos colocar chegamos à seguinte conclusão:

Sopa de cebola
Melão e presunto
Bolinhos de peixe
Lulas com recheio
Carne Ômega3 da Companhia das Lezírias.

Informações sobre o vinho serão colocadas hoje à tarde.

E avisamos que dia 1, estamos fechados ao almoço mas ao jantar será o normal.

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Almoços esta semana

Vamos iniciar outra rubrica aqui na nossa página que é avisar-vos dos almoços.

Desta forma o almoço para amanhã dia 24 de Abril é:

Perú Recheado com Uvas
ou
Ensopado de Lulas



O almoço do dia 25 de Abril, como é feriado será igual ao menu do jantar e é degustação.

Em breve iremos lançar ainda mais rubricas sobre as nossas receitas, os nossos ingredientes, alguns conselhos, outras páginas que deverão consultar para quem gosta destas coisas da cozinha (estamos a falar de cozinhar, pois quem gosta de cozinha/espaço  são as mulheres) e alguns dos nossos segredos que nunca estiveram guardados.

Menu dos Barbudos 23 a 26 de Abril


Há 30 e tal anos atrás os barbudos saíram à rua.  E nós decidimos fazer um menu que tenha alguma relação com este acontecimento. Para muitos a abrilada foi uma coisa boa que trouxe liberdade, fim da guerra colonial, democracia (depois de quase cairmos no comunismo), etc, etc. Nós taberneiros, achamos que o 25 de Abril no cômpito geral não foi bom para Portugal.
Tudo bem que trouxe aquelas coisas todas que referimos em cima. Mas desde essa data o Glorioso nunca mais foi mesmo. A liberdade está sobre valorizada, comparando com a desgraça que o Benfica tem sido nos últimos anos. O Benfica está tão mal que arrisco-me a  blasfemar dizendo que quase parece o Sporting.
Se o Salazar fosse vivo, o Rui Águas nunca teria ido para o Porto, o Rui Costa nunca teria saído do Benfica, o Paulo Sousa e o Pacheco tinham sido torturados em praça pública, o César Brito (maior chulo do futebol português) nunca teria ganho aquele salário por ter marcado 2 golitos ao FCP, O Ericksson continuava como treinador, o Figo, Jorge Costa, Fernando Couto e Cristiano Ronaldo como têm o coração "Encarnado" (não confundir com vermelho) jogariam toda a sua carreira no Glorioso. 
Ou seja, eram todos considerados património nacional, como o Eusébio e tinham que jogar no Benfica toda a sua vida, que assim teria a espinha dorsal da Selecção Nacional que desta forma nunca teria perdido com a Grécia na final do Euro e França no Mundial. Mais do que isso tinham todos direito a pratos com o seu nome na 2780 Taberna. E aposto que agora que estes jogadores sabem isto, estão arrependidos de nunca terem jogado no Benfica.

Tudo bem, agora temos liberdade e o simplex. Yupi!!! Que é que isso interessa quando há 10 milhões de pessoas, espalhadas pelo mundo, infelizes?

Menu:
Creme de Cenoura, Laranja e Gengibre
Bruschetta Cogumelos e ervas
Risotto de Morangos
Cubo Mágico de Peixe Manteiga
Javali à Obelix



segunda-feira, 14 de abril de 2008

Menu do Stoffel



Esta semana tínhamos pensado fazer um menu da Roma Antiga. Mas regressou agora do Brasil,  uma das figuras principais da taberna que muito nos apoiou no início.

Por isso para o homenagear, seguindo o exemplo do passado com outras figuras tabernais, fizemos um menu em sua honra. 
A figura, já largamente conhecida no mundo inteiro é o Stoffel. Aliás, ele é tão popular que foi recebido pelo próprio Lula da Silva pelas brilhantes obras que realizou lá. E quando eu mostrei a umas amigas baianas uma foto do Stoffel com o Lula em Brasília, elas perguntaram: "Quem é o barbudo que está com Stoffel?"

(Já sei que a piada é antiga e é adaptada)



E por ser o Stoffel decidimos fazer coisas que ele nunca provou:

Sopa castanhas
Ovos verdes
Salada bacalhau cru com risotto de vodka, limão e menta
Terrina de porco preto, morcela e alperces com compota de tomate
Peito de pato com batata doce e manjericão e molho maracujá


Como de costume já temos bastante reservas e estamos praticamente cheios no fim de semana. Mas até eu estou ansioso para provar este menu.

Mais uma vez obrigado ao Stoffel e a todos vocês pelo vosso apoio. 

Taberneiro

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Peixe em Oeiras - 9 Abril a 12 Abril

Os taberneiros foram ao "Peixe em Lisboa". Fomos provar aquilo que os supostamente melhores chefs portugueses andam a fazer com peixe. Digo supostamente, porque os Chefs taberneiros, apesar de reconhecidos pelo público como os melhores cozinheiros nacionais de momento, não o são pela crítica. Já começamos a estar habituados a ser considerados as ovelhas negras da gastronomia nacional. E tudo isto porque decidimos mudar o menu todas as semanas, porque inventamos pratos utilizando produtos portugueses, porque temos uma postura descontraída e divertida nesta criação de novas receitas... enfim, porque viemos abanar o "status quo" e tudo o que traz mudança, cria medo aos "grandes senhores" com poderes estabelecidos.

No entanto foi agradável, enquanto estávamos lá a provar vinhos e comida termos sido reconhecidos por várias pessoas entre clientes e fornecedores que já tinham ouvido falar de nós e tinham visitado a nossa página. A primeira pergunta era sempre: "onde é que está o vosso espaço no Peixe em Lisboa para eu ir já lá!!". Quando respondíamos que não tínhamos sido convidados, obtínhamos sempre um olhar desiludido e frustrado.

Por isso, e apesar da organização do "Peixe em Lisboa" nos ter pedido exactamente para não fazer isto e lhes roubar clientes e atenção, a 2780 Taberna decide ir contra tudo e contra todos e faz a semana do "Peixe em Oeiras". Nem o Octávio Machado causou tanto distúrbio quando abandonou o futebol como o que nós estamos a fazer. Tal como o Octávio que sempre disse que quando abandonasse o futebol iria "abrir o livro" e causar um terramoto, nós vamos abrir o restaurante e causar um cataclismo. 

Gaspacho de Melancia e Gamba
Ceviche de Tubarão
Filete com canela e risotto de abacaxi
Atum com "Tosta pissaladière", anchovas e cebola
Bacalhau à Gomes de Sá

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Menu Grandes Sinais


Este menu é dedicado à peça Grandes Sinais (www.grandessinais.com). Mais uma vez os taberneiros têm amigos que estão com peças de teatro "no ar". Desta vez é uma amiga nossa, a Rita Calçada Bastos, que já tem um currículo invejável neste mundo das artes, que encena e é também actriz nesta peça que está em exibição na Comuna. Mais do que amiga a Rita é

 irmã do nosso RP não oficial Francisco Bordalo (como podem ver na foto ao lado, os irmãos tão bonitinhos num jantar na taberna). Mas ainda mais do que isso, a Rita é também nossa cliente. E os clientes da taberna para nós taberneiros não são meros clientes. São Família! E nós adoramos a nossa família, mas preferencialmente só os veríamos no Natal.

Por isso, depois de pensar muito nas coisas que os artistas desta peça gostam, chegámos ao seguinte menu:

Sopa Fria de Amêndoa 
Panado de queijo de cabra com "Cebola Rodriguez"

Salmão com picado de frutas
Chouriço doce de vinhais com laranja (não imaginam o trabalho que tivemos para arranjar estes chouriços!! É bom que gostem e apreciem cada garfada!)
Bochecha de porco preto em anis com batata baunilhada


Já têm o menu. Venho mais tarde falar-vos do tal chouriço doce de vinhais. É uma delícia.